Posts com a tag poema

  • avatar

    Se te perguntarem por mim

    Rita PN, em contame-historias25/2/2020 às 08:55

    [Das canções que vou escrevendo]  Se te perguntarem por mim, Não lhes digas que parti... Nem que por aqui fiquei. A vida é mesmo assim, Um dia perto de ti Outro ao lado de ninguém. E se me chamarem, eu sei! O meu nome fica aquém Do lugar onde nasci.... De ser quem sou... de (...)

    Ler mais
  • avatar

    Recordando... Egito Gonçalves

    cateespero, em cateespero24/2/2020 às 23:00

    O TEU NOME É UM VOCÁBULO   O teu nome é um vocábulo de amor, uma carícia que a língua desenvolve. Não o posso pronunciar em voz alta quando não estou só. As respirações alheias corrompem: poderia dissolver-se no vento, fragmentar-se perder o seu mistério indecifrável, (...)

    Ler mais
  • avatar

    As sombras do silêncio

    francisco luís fontinha, em franciscoluisfontinha24/2/2020 às 17:56

    Acordava do sono emagrecido, O homem da nuvem embriagada, Cansado, Perdido, E, reclamava, E, gritava, A palavra enfeitiçada. E, hoje, nas camufladas ruas da cidade esquecida, Embrenhado na poesia, a canção do adormecido, O homem, cansado, denegrido, Escreve sem ânimo, (...)

    Ler mais
  • avatar

    Talvez seja tristeza

    Existe um Olhar, em existeumolhar23/2/2020 às 19:00

    Deve chamar-se tristeza Isto que não sei que seja Que me inquieta sem surpresa Saudade que não deseja. Sim, tristeza - mas aquela Que nasce de conhecer Que ao longe está uma estrela E ao perto está não a ter. Seja o que for, é o que tenho. Tudo mais é tudo só. E eu deixo ir (...)

    Ler mais
  • avatar

    Na colisão com as horas

    Maresia, em palavrasdeareia21/2/2020 às 22:34

    Na colisão com as horas, O tempo empurra mágoas, Apazigua saudades. Mas relembra a finitude, A corrida dos dias Apressados, varridos... Empurrões em frente, Que nos apagam chances A cada batida do coração. Do nada, Não te prendas, Senão à tua vontade. Não te enlaces, Senão (...)

    Ler mais
  • avatar

    Moribunda

    Sara Oriana, em simplespoemas20/2/2020 às 21:12

    Sinto-me vazia, sozinha, sem alma Pensei que eras tu quem me faltava Mas depois descobri que não havia nada Que tu eras apenas mais uma página Dói-me a perda de mim, não de ti Nem sei bem que partiu em mim Dói-me o ar que entra e sai As passadas parecem vãs e sem fim Vejo que a (...)

    Ler mais
  • avatar

    Medo

    Violeta, em comtodos20/2/2020 às 08:53

    Tenho medo de sonhar Se no sonho desapareço Receio de partir Se partindo não regresso   Tenho medo de sorrir Se sorrindo enfraqueço Pavor de acordar Sabendo que enlouqueço   Tenho medo de caminhar Se caminhando tropeço Recuso avançar Por caminhos que desconheço   Tenho medo (...)

    Ler mais
  • avatar

    A face dos céus

    Folhasdeluar, em folhasdeluar20/2/2020 às 08:05

    Da boca escorria a pele dos sonhos Os dedos desencontrados traziam algas na memória A dor perfurava o desenrolar das ondas E eu vibrava...como uma estrela diluída numa maré de silêncio.   De mim caíam pequenas chagas O vento tombava nas minhas mãos Arrastava o meu corpo no (...)

    Ler mais
  • avatar

    O essencial

    ricardojorgeclaudino, em ricardojorgeclaudino19/2/2020 às 10:02

    O essencial vive no subconsciente e só estremece  quando um grande terramoto acontece.   As pequenas réplicas não abalam ninguém.  

    Ler mais