Posts com a tag poema

  • avatar

    Reguengos de Monsaraz

    ricardojorgeclaudino, em ricardojorgeclaudino4/7/2020 às 10:12

    Todos os noticiários do país ditam o teu nome. Ainda o jornalista vai a meio da sílaba "guen" e eu já estou arrepiado, de olhos esbugalhados, seguindo a origem do som.   Aumento o volume da televisão, talvez na esperança de escutar a paz da natureza que circunda o (...)

    Ler mais
  • avatar

    Trazes a alma na ponta dos dedos

    Rita PN, em contame-historias3/7/2020 às 20:58

    [Uma homenagem a alguém que muito admiro]  Trazes a alma na ponta dos dedos e ao peito o mundo. A nota que à letra rasga o ventre e D'ouro nasce entre silêncios que devagar se escutam quando, ao longe, uma Guitarra toca baixinho e um cego vê para lá de um muro. Fluem as cores (...)

    Ler mais
  • avatar

    O tempo acabou!

    Folhasdeluar, em folhasdeluar2/7/2020 às 07:05

    Ontem percorri as penas dos pássaros. Despi-me como quem declara paz a si próprio. Separei-me dos espinhos. Percorri as marés. Oscilei como um pêndulo geometricamente avariado. Espreitei para o furor dos precipícios. Nada descobri. Todas as visões se desfaziam em vertigens de (...)

    Ler mais
  • avatar

    AUGUSTIANDO

    Lucas Luiz, em poeminhoscult18/6/2020 às 02:03

    (Imagem: Solidão – Didier Fay-Keller – 1989) I. Alimento-a solidão, supro-a de expectativas tantas. Nenhuma pretensão senão arrancar pela raiz das ideias o amor, o amor, o amor essa odisseia. II. Sei-me castigado pela musa, com seu beijo lento de querer insaciável. Força-me (...)

    Ler mais
  • avatar

    Quero voltar a sonhar! (2007)

    Bmpr1983, em sonhomeu20209/6/2020 às 13:00

    Sinto-me só, Só e triste, Triste e abandonado, Abandonado ou esquecido!   Já há muito tempo, Que não escrevo, Sinto falta de viver, Sinto falta das palavras!   Nada mais me conforta, Nada mais me anima, Nada mais me alegra, Tudo me entristece!   Quero morrer? Não sei! É (...)

    Ler mais
  • avatar

    Nos olhos do tubarão

    vítor, em quintacativa8/6/2020 às 11:41

    Retirei os olhos e coloquei-os Sobre o parapeito da tua janela. Com o corpo cambaleando, cego, Entrei pelo mar adentro e Nadei até perder o pé. Do Parapeito da janela avistava-se Um ponto boiando no azul De chumbo, na boca hiante entre O céu e o mar. Quando abriste a janela e (...)

    Ler mais
  • avatar

    Mãe - Adão Cruz

    Augusta Clara, em jardimdasdelicias22/5/2020 às 11:34

      Adão Cruz  Mãe   (Adão Cruz)   M ãe a palavra universal a palavra mais consensual da humanidade. Nem Deus… Deus é de uns e não de outros Deus é conceito de muitos e negação de outros tantos. A mãe é de todos sem excepção a mãe é de todos e é só nossa a (...)

    Ler mais
  • avatar

    #odiaemqueopoemarebentoudochão, Sandra Corga Figueiredo

    Amaro Figueiredo, em emseguida15/5/2020 às 15:33

    © Carlos Daniel Marinho    (poesia-murro)   Enfrento-te destemida mas desnorteada Os pequenos pontos pretos que te aparecem no momento em que teclo furiosamente Em catarse, embriagada Não fazem sentido porque não mudam nada Não mudam, não revelam, não alentam, não agora, (...)

    Ler mais
  • avatar

    Dia da mãe

    Cristiano pimenta, em 100opiniao10/5/2020 às 18:44

    Hoje é o teu dia. Todos os dias que vivemos são em parte teus. Quis Deus dar-nos uma mãe. Hoje lhe agradecemos por nos ter unido no teu ventre. Ser mãe é fácil. Ser uma verdadeira mãe é graciosidade e particular responsabilidade. Ser mãe é saber amar. Num dia em que um (...)

    Ler mais