pub

Tags : poesia

  • avatar

    Um dia grande

    vítor, em quintacativahá 7 horas

      Hoje, o dia será tão grande que ainda não nasci. Foi hoje mesmo que Timoteo introduziu a 12.ª corda da lira E o menino Mozart, depois de ter tocado cravo de olhos vendados para a corte aparvalhada, pediu Maria Antonieta, futura rainha de França, em casamento (quando voltou a (...)

    Ler mais
  • avatar

    Desculpa...

    Folhasdeluar, em folhasdeluarhá 8 horas

    Não cabe em mim o tempo em que as árvores desfolham o destino Não existe nem céu...nem beiral...nem lugar sem fim Onde a impossível pétala rosa das manhãs seja apenas o começo de mim E eu acorde maravilhado com a maresia que se cola às ruas vazias   Não há lugar...nem (...)

    Ler mais
  • avatar

    Dez Chamamentos ao Amigo

    Rita PN, em atequeossentidostransbordemhá 16 horas

    Se te pareço noturna e imperfeita Olha-me de novo. Porque esta noite Olhei-me a mim, como se tu me olhasses. E era como se a água Desejasse Escapar de sua casa que é o rio E deslizando apenas, nem tocar a margem. Te olhei. E há tanto tempo Entendo que sou terra. Há tanto tempo (...)

    Ler mais
  • avatar

    De amor se fez

    Rita PN, em contame-historiashá 16 horas

    Aproxima-te, de mansinho.  Suave e devagarinho, descontraidamente, como quem mente ao silêncio que me consome a alma nua.  Desfolhada que a vida me fez... rosada a tez, pétalas de saudade que um dia vã se fez, na incerteza da hora.   Aproxima-te, de mansinho.  Traz o dia, o (...)

    Ler mais
  • avatar

    A Pertinácia da Informação

    Fer.Ribeiro, em chaves15/8/2018 às 22:00

      E, de repente parece que se fez uma brecha no tempo e o mundo parou, o que na verdade é ilusório.   Remexo prateleiras à procura de algo para beber nesta tarde de calor infernal: talvez algum livro por encetar. Eis que o vejo: quase escondido a escapar-se pela fenda, entre a (...)

    Ler mais
  • avatar

    O Bater De Um Coração...

    Filipe Vaz Correia, em canecadeletras15/8/2018 às 21:56

          Nada é tão intenso; Como a intensa escassez de um gesto, Um gesto leve, Timidamente discreto, Como um segredo secreto, Na imperfeita imperfeição, De cada lágrima sedutora, Sedutoramente perdida na emoção, Do que outrora foi...   O bater de um coração.              

    Ler mais
  • avatar

    Como lidar com os sentimentos?

    Francisco, em fuisouserei15/8/2018 às 20:16

    Não sei se vieram aqui à procura de resposta, ou se já com a intenção de me massacrar pelo título aludir que eu a tenha. De qualquer forma, nunca realmente escrevi a saber seja o que fosse. Se, em algum texto meu em que requeria conhecimento acerca do assunto, esteja lá (...)

    Ler mais
  • avatar

    O Descanso do Guerreiro

    Maria Rocha Soares, em insossego15/8/2018 às 15:50

                        Sorve-me nos lábios... O mel dos últimos figos maduros. Colhe-me do seio ebúrneo, um molho de açucenas  e... no térreo conforto dos meus olhos, antecipa o descanso do guerreiro,  entre coxas quentes, que te servirão de cicerone para  outros (...)

    Ler mais
  • avatar

    15 de Agosto é sempre Rilke

    paulo prudêncio, em correntes15/8/2018 às 08:28

            O 15 de Agosto recorda-me sempre o filme imperdível de Gianni de Gregorio . E nem sei porquê, mas desta vez associo-o à difícil poesia de  Rainer Maria Rilke: exige leitura repetida, mas o resultado é sublime. É um dos meus poetas preferidos. Uma das suas obras (...)

    Ler mais