Posts com a tag prosa

  • avatar

    HORA DO REPOUSO

    Sandra, em cronicassilabasasoltahá 22 horas

      A tarde vai avançada, tempo de abrandar. Sento-me nas horas do descanso que embalam a imaginação desperta em mim. Chove. A chuva também me molha pensamentos, abstrações, sentimentos e rascunhos. Brotam desejos da alma e asas voam de sonhos meus como pautas ao vento. Mas é (...)

    Ler mais
  • avatar

    Cultivo d’alma

    Joana, com juízo, em temjuizojoana19/10/2020 às 20:33

    Esbraveando terrenos, Descobrindo a alma, Sigo serena por entre cultivos e colheitas. Por vezes, sou terreno árido, Outras vezes terra rica, Faço em ambas boas colheitas Quando a lua se põe cheia. Cultivo nos territórios do que é ser, Amanho tudo o que sou, Questiono quais os (...)

    Ler mais
  • avatar

    Na paragem de autocarro | conto

    Isa Nascimento, em isanascimento19/10/2020 às 06:18

    Clara estava sentada na paragem de autocarro. A mesma paragem de sempre, à hora de todos os dias. À tarde também era assim. Regressava a casa à mesma hora, apanhando o autocarro na mesma paragem onde já estavam à espera as mesmas pessoas do dia anterior. Sempre a (...)

    Ler mais
  • avatar

    Amadeu Ferreira - Um Dia de 12 Horas

    blogdaruanove, em literaturacolonialportuguesa18/10/2020 às 16:41

    Amadeu Ferreira  (1925-2002), Um Dia de 12 Horas  (1966). Ilustração da capa de José Garcês (1928-2020).   A presente obra foi galardoada com o prémio de novelística Fernão Mendes Pinto. No âmbito da ficção, Amadeu Ferreira já havia publicado o volume de contos  (...)

    Ler mais
  • avatar

    When it rains.

    H. Alegria, em amorosamente2/10/2020 às 08:03

    Mom says "have you written anything about it?". I didn't. Sometimes I don't. Seems easier to do so when it rains. And sometimes it doesn't rains in those specific days we thought it would. Actually, it's so much easier to write all down when it rains... When the heart is pouring, or (...)

    Ler mais
  • avatar

    A Sensação de Escrever

    D. Samarra, em parvasamarra30/9/2020 às 17:15

    A sensação de escrever é algo descritível, mas é um ato inexplicavelmente extraordinário e estranho.Tudo começa com uma ideia, que surge onde e quando calhar, e de imediato ocupa todo o meu pensamento. Se for durante o dia, interrompe o meu trabalho e os meus afazeres. Seja a (...)

    Ler mais
  • avatar

    Ambiguidade do social e da individualidade

    Alguém Aleatório, em alguemaleatorio28/9/2020 às 09:49

    Recebi um agradável email de alguém que ousou perder algum do seu tempo para refletir sobre as minhas palavras aqui escritas. Também dono de um espaço, que pode ser encontrado aqui  https://felicidade-respirar.blogs.sapo.pt/  e apesar de ter pouco tempo, o tempo não reflete o (...)

    Ler mais
  • avatar

    Dó sem Ré nem Mi

    Jur.nal, em jurnal4/9/2020 às 17:51

      Era uma vez uma menina de vestido azul que estava sentada numa grande pedra debaixo de um velho sobreiro a olhar um prado, seco. E onde nós víamos um campo inóspito, a menina via um burro e um galo, aliás, via um galinheiro inteiro! E papoilas e corvos e legumes e (...)

    Ler mais
  • avatar

    Parabéns Dr. Adolfo...

    Robinson Kanes, em naoequenaohouvesse12/8/2020 às 08:00

    Créditos: https://tamtampress.es/2016/08/09/la-galerna-publica-el-diario-del-portugues-miguel-torga/     Muitos parabéns,  Sr. Doutor... Hoje um dos grandes génios do século XX português e do Mundo faria 113 anos! A devida vénia! Perdoa-me Vergílio, mas hoje o dia tem de (...)

    Ler mais
  • avatar

    Tu Que Podias

    Ana Filipa Gouveia, em silabasdealgodao2/8/2020 às 16:54

      Eu, magro de corpo e musculado de espírito, eu que negava ser controlável pelos sentimentos, perdi toda essa força que minhas palavras agressivas transmitiam, pois chegaste tu e afinal tu podias tudo e eu disso não sabia nada.   Orgulho de “homem que não chora”, peito (...)

    Ler mais